CATTLEYA ELONGATA BARB

Cattleya Elongata Barb



Cattleya Elongata Barb


   Essas fotos dessa espécie foram enviadas da 'Chapada Diamantina'.
   Há muitos anos em extinção, eu jamais poderia imaginar que pudesse um dia postar fotos dessa Jóia Rara.
   São exclusivas das Chapadas, nos Estados de Minas Gerais, Bahia e Pernambuco
   São rupícolas, vegetam em altitudes de 500m à 800m, em temperaturas que ao dia chega aos 30°C, à noite pode cair até 12°C. A planta adulta atinge a altura de 50 à 70 cm.
   Essa floração é do verão, época mais quente. Dá para perceber que o calor nas pedras é muito intenso, que, os pseudobulbos estão avermelhados. Mas é o habitat natural, ideal para desenvolver.
   Na Chapada Diamantina tem Guias Turísticos, é proibido apanhar plantas. Só pode fotografar. Se não fosse essa exigência ambiental, hoje eu não estaria postando elas para o Mundo todo ver e admirar.

   Com esse PENSAMENTO, quero homenagear 'Todos Vocês Visitantes' do orquideasevoce.blogspot.com 
 
    "Nem sempre você pode ser uma árvore frondosa que acolhe e abriga os pássaros oferecendo flores e frutos, mas poderá pelo menos ser um arbusto que ofereça uma flor que alegre e algum fruto que alimente. Seus sorrisos de alegria e seus gestos de bondade serão sempre flores de amor".  (Frei Anselmo Fracasso)
  
   Comentários; fazersite@ig.com.br
 

BANDEIRAS ECOLÓGICAS

Essa Bandeira que desenhei, esse amarelo representa a taça de ouro que
estará em jogo por muitos Países. Devemos optar pelo ouro, mas, ver que
à preservação da Natureza também é valiosa para Nossa Pátria. 
    "Esse ano de 2014, no Nosso BRASIL tem à COPA DO MUNDO.
O meu desejo será que cada um de todos os Brasileiros,
faça sua parte na preservação da NATUREZA".
fazersite@ig.com.br

Bandeira com fotos de Orquídeas
Bandeira com fotos de Orquídeas
 

FOTOS DE ORQUÍDEAS RARAS (6)


Bc. Maikai 'Mayumi'

Blc. Chia Lin New City


Blc. Chinese Beauty 'Orchid's Queen'


Blc. Ceowfield Medenhall'

Blc. Florália 'Mexicana'

Blc. Longriver Compton 'Golden Star' fcc/aos
Blc. Memoria Dr. Peng 'Deep'  

Blc. Memoria Robert Straight 'Blue Hawaii'

Blc. Memoria Tiang

Blc. Pastoral Innocence

Blc. Pastoral Innocence

Blc. Salmon Splendor

Cattleya Gaskelliana Alba

Cattleya Guttata Lindl x Cattleya Warneri Coerulea

Cattleya Tigrina


Cattleya Warneri Semi-Alba
Cattleya Whitei Coerulea


Cymbidium Orchid Aurea

Cymbidium Orchids Care




Cymbidium Pendente Verde

Laelia Anceps Coerulea
Laelia Cinnabarina Red
Laeliocattleya Cornelia Coerulea


Laeliocattleya Tropical Sunset 'Cherry Girl'
Lc. Fire Dance 'Blanche'
Lc. Purple Cascade 'Chang Beauty'

Miltonia Apple Fied OF
Paphiopedilum Gratrixianum

Potinara Crowfield Medenhal

Vanda Sanderiana Rubra



DICAS DE CULTIVO PARA PHALAENOPSIS


Phalaenopsis Amabilis Listrada Rubra
   A Orquídea Phalaenopsis tem origem nos Países como; Sri Lanka, Nova Guiné, China, Borneo, Burma, Ilhas Molucas, Austrália, Malásia e Filipinas; essa planta adapta-se bem a qualquer região do Brasil.
    As espécies naturais mais conhecidas são; P. Amabilis, P. Schilleriana, P. Stuartiana, P. Cornucervi, P. Mannii, P. Equestris, P. Lindenii, P. Gigantea, P. Fasciata, P. Fimbriata, P. Lueddmanniana, P. Pulchra, P. Pallens, P. Sumatrana, P. Violacea, P. Hieroglyphica, P. Lowii e P. Mariae.

    A Phalaenopsis, com o formato "Phalaena" (mariposa) e "Opsis" (aparência de), numa referência à delicada forma de borboleta que predomina em algumas espécies brancas da planta. Por isso também é conhecida como orquídea borboleta.

    A flor pode permanecer por até três meses, aparecendo durante todo ano.
    A planta possui folhagens suculentas e desenvolve-se sempre para cima. "É importante evitar acumulo de água no meio das novas folhas para não haver problemas fúngicos ou apodrecimento".
    Por ter folhas carnosas, são vulneráveis ao ataque de pragas como; gafanhotos caramujos e lesmas. "O controle nesse caso, é a cata manual, geralmente à noite".
    Para quem mora em apartamento, deve cultivar em varandas, janelas, basculas; tendo sempre ótima luminosidade, não expondo ao sol direto, protegê-las do vento frio, o melhor seria em ambiente que pegasse o sol da manhã, mas, não direto na planta, deve ter sombreamento de 30%.
    Quanto mais elevada a umidade do ambiente, melhor será seu desenvolvimento, no entanto, isso não significa que a planta deve permanecer constantemente molhada; deve molhar borrifando só nos substratos; (não em cima das folhas) duas vezes na semana em dias secos e quentes, em dias frios e chuvosos deve evitar molhar.
    Limpar as folhas; quando estão empoeiradas, limpar cuidadosamente sentido tronco às pontas com flanela branca, limpa e bem macia levemente úmida.
    Substratos; utilizar quantias iguais, casca de pinos, fibra de coco, carvão vegetal e casca de coco de macadâmia.
    Se for mudar para um vaso maior; retira com cuidado a planta, mantém todas as raízes e substratos antigos. O melhor seria cortar com cuidado o vaso menor com uma tesoura esterilizada e no vaso maior colocar no fundo para drenagem 15% de brita (0), completando nas bordas do vaso maior os substratos indicados.
    Adubo; o melhor é usar NPK 20-20-20 para as folhas, aplicado borrifando uma vez na semana, o adubo orgânico para o vaso, utilizado a cada dois meses.

    Um 'Pensamento' para homenagear todos 'Vocês Visitantes' do  orquideasevoce.blogspot.com  

    "As flores que atraem nossos olhares e dão encanto à primavera não crescem em ambiente escuro mas desabrocham à luz do sol.
     A felicidade não nasce nas trevas do egoismo, mas surge, cresce e se desenvolve à luz do amor que aquece e ilumina a vida toda".
      Comentários;  fazersite@ig.com.br


Phalaenopsis Dragon's Charm
Phalaenopsis Amabilis Spike
Phalaenopsis Orchid Leopardo
Phalaenopsis Orchid
Phalaenopsis Orchid Leopardo

Phalaenopsis Orchid 'Micro Orquídea'
Phalaenopsis Orchid Listrada
Phalaenopsis Orchid Leopardo
Phalaenopsis Amabilis Spike

Phalaenopsis Amabilis (Leopardo e Listrado)



DICAS DE CULTIVO PARA CATTLEYA LUEDDEMANNIANA

Cattleya Lueddemanniana Tipo"Maruja"



Cattleya Lueddemanniana var. Coerulea
     A Cattleya Lueddemanniana, é nativa da região norte da Venezuela, que fica próxima ao litoral.
     Na Venezuela essa orquídea é comumente conhecida como 'Flor de Maio e Speciosa'.
     É uma Espécie de médio porte, quando adulta atinge altura de 30 cm; as folhas são estreitas com tamanho médio. 
     Depois de germinada essa espécie podem atingir a fase adulta no período de três anos.
     As flores são grandes e exuberantes, podendo chegar  de 16 a 20 cm de diâmetro; com tonalidades variadas e um belo formato. São essas as características que contribuem para a C. Lueddemanniana ser as preferidas dos colecionadores que chamam de "Queridinhas".
     As variedades da C. Lueddemanniana são; Alba, Semi-Alba, Semi-Alba Delicada, Coerulea, Concolor, Flammea, Rósea, Tipo e Rubra.
     No Brasil, Sua época de desabrochar com maior intensidade é nos meses de agosto a outubro. Os Orquidófilos assegura que quando vegeta sob um regime de forte adubação, pode lançar flores mais de uma vez no ano.
     As flores tem um agradável perfume adocicado, as de cores Rósea Tipo e Rubra o aroma é mais intenso. 
     Os cuidados; elas tem que estar em locais bem arejados, boa luminosidade, bem nutridas, umidade adequada, isso contribuem para evitar pragas e doenças como; pulgões, fungos, cochonilhas e bactérias que atacam matando a planta. O uso em demasia de fungicidas e inseticidas, não são recomendáveis; o melhor seria consultar um Engenheiro Agrônomo, antes de utilizá-los.
      Nas regiões tropicais, elas se adaptam bem, mas, tem que protege-las, não coloque a orquídea no lado onde bate o vento frio. 
      Replante; elas se adaptam bem em placas de madeira sem tanino. Se forem plantadas em cachepot de madeira, coloque drenagem com 20% de britas (1) no fundo. Os substratos podem ser em quantias iguais; casca de pinos, pedaços pequenos de carvão vegetal de eucalipto, fibras de coco, casca do coco de macadâmia, pedaços bem pequenos de madeira sem tanino.
     Adubação; a adubação também é essencial para garantir o desenvolvimento equilibrado. Nos primeiros anos de vida da planta, antes de atingir a fase adulta, recomendo aplicação de NPK 30-20-20 para beneficiar o crescimento e enraizamento. Ela pode ser feita semanalmente ou em período mais longos, conforme a dosagem do produto. Na fase adulta, é importante fazer a adubação com NPK 20-20-20 semanalmente ou a cada dez dias. 'Seguir as instruções do fabricante é sempre mais seguro'. 
      Cometários; fazersite@ig.com.br    

Cattleya Lueddemanniana Coerulea

Cattleya Lueddemanniana Coerulea


Cattleya Lueddemanniana Semi-Alba



Cattleya Lueddemanniana Semi-Alba "Mamacita"




Cattleya Lueddemanniana Semi-Alba


Cattleya Lueddemanniana Tipo


Cattleya Lueddemanniana Tipo Clara


Cattleya Lueddemanniana Tipo Escura


Cattleya Lueddemanniana Tipo Rosa Suave



Cattleya Lueddemanniana var. Rubra



Cattleya Lueddemanniana Tipo